Operador (Akkia)

De Enigma
Ir para: navegação, pesquisa

Esta é uma página de Gramática.

Akkia teve oito anos de investimento, até chegar à sua forma atual. De 2005 a 2013, ela foi criada; em 2014, revisada. Atualmente há quatro falantes da língua, sendo três estudantes, todos residentes em Belo Horizonte, Brasil.

Nota: Todos os direitos reservados (Sol Cajueiro).

Vamos ver alguns exemplos, facilitando o entendimento.

–– Jael! Venha aqui, por favor.

Akkia entende que apenas as palavras essenciais ao entendimento por parte do interlocutor são necessárias. Isso se reflete em que a língua depende de Contexto (ki) para que muitas sentenças sejam compreendidas, como nestes exemplos.

–– Jael! Aqui.

Você está claramente chamando a atenção de Jael, indicando um lugar.

Também é possível, dependendo do contexto, ser uma ordem: Venha até aqui.

–– Venha.

Se Jael já está prestando atenção e, se você tem intimidade, as outras palavras não são necessárias.

–– Por favor.

Todo o contexto é autoexplicativo, você só está sendo educado.

Obrigado por ler.