Nação da Magia

De Enigma
Ir para: navegação, pesquisa

Página sobre a Nação da Magia

Nota: Todos os direitos reservados (Sol Cajueiro).

A Nação da Magia figura na ficção de Sol Cajueiro e, futuramente, de fanfiction feita pela própria Nação.

Assim sendo, a permissão para fazer fanfiction oficial é dada apenas a membros da Nação e cultura da Nação da Magia, que reúne o Bruxos e Bruxas de nascença, Oráculos que fazem previsões de futuro para guiar a Nação, e Vampiros da linhagem de Ibis, uma importante linhagem que remonta à era em que o Império dos Vampiros existia.

A idéia inicial é dada por Athýmas, que é Ifar filha de Tarja, e adotado pelo Senhor Bitter.

Sabemos que existem outras Nações que usam o título de Nação da Magia, e por isso usam o plural para se referir a estas Nações todas; só que não existe uma unificação de todas as Nações que usam este nome, por isso é necessário usar o singular e especificar algum lugar.

Você é bem vindo-a a comentar, deixe um tweet para @brikkomi no Twitter, mas deverá ser lido e isso pode demorar.

O fato de não usar o computador para outra coisa que não seja trabalho fez de Enigma um portal para a imaginação do leitor, e estão sendo publicadas duas Séries distintas, ambas chamadas de Enigma, mas em Estágios distintos.

Este também é o lugar onde você encontra o Universo ficcional (Uf) expandido de Enigma, um RPG completo que está sendo publicado aos poucos no nosso site, para você jogar.

A série de livros Enigma, estágio O Grande Jogo, tem citação ficcional à Nação da Magia, e vá para Essa Esperança, Tão desconhecida para ler o Capítulo Um.

E a verdade se mistura à ficção, para apresentar cenários maravilhosos para você se aventurar, mas não se iluda: Vilôes estão por toda parte, e muito raramente vamos permitir personagens como Ladrões, que deveriam ser sempre vilões, ou Monstros, não se joga com eles.

Um Vilão bem criado, com Ideais bem pensados, vai fazer toda a diferença na hora de você jogar. Vilão é um ótimo ponto de partida para começar a ler, e Herói também.

E é nesse ambiente de Jogo misturado com cenários que reúnem fantasia, cyberpunk (ou steam, quem sabe), street art, urbana, e dimensões paralelas, com uma Cosmologia pensada para você escolher a Fonte de onde você retira seu Poder, isso tudo e muito mais é onde você vai encontrar inspiração para criar também, porque na Nação da Magia nós permitimos que um membro da Nação possa fazer fanfic. Isso quer dizer que uma fanfic de Enigma pode acabar se tornando oficial, e receber seu espaço em nosso Wiki project, aqui mesmo.

A Nação da Magia surgiu como a idéia de uma Micronação, durante 2003-8, quando foi criado o nome Ikkomi, e encontra na Magia a sua matéria, e na luta contra os Demonistas a sua Obra.

Aqui falamos várias vezes de Herói, sobre O Caminho, e Magia, mas não falamos sobre "Território".

A Nação não tem um território contínuo; você escolhe um cômodo da sua casa para ser o Território da Nação e, neste território, a língua Akkia se torna a língua oficial daquele lugar.

Todos os mundos tem um Ihmyt, que é um título de rei ou rainha, mas também existem os Duka, ou duques, e as Rhyme, que são princesas, e isso significa que a Nação é monarquista, como você pode ver pelos títulos.

Nós os Bruxos de nascença lutamos contra os Demonistas, que controlaram a sociedade durante mil e setecentos anos, desde que o Império Romano teve o seu poder trocado, pois era território dos Vampiros, e eles foram expulsos pela nova Igreja; mas a Igreja só foi fundada porque eles descobriram como fazer Pacto, o que definiu a religião desde então.

Apesar disso, a maioria da população foi mantida sem saber que o Pacto existia, para melhor ser controlada.

E esse foi o povo que caçou e eliminou os Bruxos e Bruxas de nascença, durante mais de mil anos; mas não foram os únicos, e os Feiticeiros também vendiam Magia por dinheiro.

O principal povo que vendia Magia por dinheiro eram os Magos, e eles viviam com o dinheiro dos empresários, uma vida fácil e rica.

Apesar disso, eles são falhos, e agora que os Bruxos de nascença estão voltando e reencarnando, ou pessoas que não eram Bruxos em outras vidas estão se tornando Bruxos agora, o cenário de guerra está claro.

Recentemente, O Grande Jogo tem formado Jogadores que querem o fim dessa guerra.

Nós acreditamos em Deuses, que são pessoas e nascem e evoluem como qualquer ser vivo desse nosso Universo, mas na verdade são Guias, e sua existência se define em guiar as pessoas, não em ser seres super poderosos que "mandam" e a população deve obedecer, ou temer.

Os Deuses são nossos amigos, pessoas que existem há tanto tempo que já evoluíram o espírito.

Também temos um Panteão enorme, que inclui Rha, Toth, e Seth, além de mais Deuses egípcios como Anubis, e também A Magia, uma entidade que existe uma por Multiverso, mas também inclui Deuses menos conhecidos como Mhi, Deusa do mundo de Mekhet; nosso mundo tem 782 Deuses que servem como Guias para a Nação da Magia, e você encontra mais ou menos isso em todos os mundos.

Quando falamos em "todos os mundos", tenha em mente que são muitos mundos: são dez elevado a sessenta mundos, no total, e distribuídos entre dezoito milhões de Multiversos.

Nosso Universo é parte de um Multiverso oitocentas vezes maior que ele, e que tem mais dezenove Universos dentro dele; um deles ainda está explodindo, ou seja, está sendo criado enquanto você lê isso -- outros Universos também são possíveis.

Entre os Multiversos, existe uma árvore chamada de A Árvore dos Infinitos Frutos, criada por Rha.

Ela dá flores toda vez que alguém tem uma idéia genial pela primeira vez, e os frutos são as almas das pessoas que vão nascer pela primeira vez, em qualquer um dos dezoito milhões de Multiversos.

Nossa Nação é a inspiração para o Tipo de personagem deste Jogo, o Herói Bruxo, mas nós também respeitamos muito os Vampiros e por causa disso também temos o Tipo de personagem básico Nobre Vampiro e, para concluir, oferecemos um Tipo de personagem que existe para resolver problemas com diplomacia, ou seja, alguém que sabe o que são segredos diplomáticos, acordos entre Nações, e poder, que é o Monge Diplomata. Estes três são os Tipos básicos em Enigma, mas existem variações importantes, que serão explicadas para você usar em seu Jogo.

Herói Bruxo pode ser separado em Bruxo ou Bruxa, Feiticeiro, Mago ou Magiker (que não usa Demônios em Rituais), Sacerdote ou Sacerdotiza -- Wicca é um exemplo -- e Xamã, todos com características únicas, e métodos para a realização de Magia.

Nobre Vampiro é o início da explicação sobre o Sobrenatural, e os sobrenaturais são Vampiro, Licantropo, Monstro, que são um dos Tipos básicos de Vilão do Jogo, Asuras e Djines, e eles usam Manifestação, Efeitos não explicáveis.

Monge Diplomata é uma pessoa que faz Voto de Trabalho baseado nas Sete Virtudes, mas pode ser Oráculo, ou Psiónico, e eles usam Poder; podem também aprender a usar Magia, mas é muito raro que isso aconteça.

Também reconhecemos a existência dos Dragões e dos Basylisques, e sabemos que eles estiveram em guerra por 52 milhões de anos, estão começando a reatar e encontrar a paz, mas também sabemos que isso é difícil. Esta guerra representa a Dualidade. Isso que dizer que a guerra durou tanto tempo, que a dualidade passou a existir entre estas duas Ordos (Facções).

Aconteceu, há muito pouco tempo, uma união entre eles, e que recebe o nome de Oeldar, um Dragão-Basylisque, e a língua deles está sendo criada; e vai figurar entre as nossas Aulas (Conlang Classes), venha ler primeiro Akkia. Esta é a língua da Nação da Magia. Akkia começou como um código, mas evoluiu para uma língua completa durante o tempo que se gastou para fazer com que ela existisse, de fato.

A Nação da Magia tem uma missão: Salvar a Magia.

Outra coisa muito importante, e que você vai precisar pensar antes de considerar fazer parte da Nação, é que os membros da Nação são obrigados a reencarnar, ou seja, não existe descanso depois da morte, e não vamos para o Paraíso, vamos trabalhar incessantemente pela Magia.

Temos ciência de que existem outras Nações com este nome, reconhecemos.

Assim sendo, a Nação da Magia do Reino Unido, ou Nação da Irlanda, e também a Nação da Magia do Japão, vão receber o seu devido lugar em nosso Wiki, sem Spoilers, e com todo o respeito -- aqui, informações ficcionais.

Não vamos revelar segredos das outras Nações, mas vamos apresentar personagens que são membros delas.

Também vamos falar de Enigma e do jogo antes de se tornar Enigma, Arkkana, com direito a informações sobre Athes, o cenário que existia antes de Enigma vir a ser.

Seja Bem vindo-a a ler e, se puder, comente no Twitter, se gostar.

Vá para Enigma: Silêncio sob Os Paraluzes, para ler o livro um dos romances.

Ou venha ler Enigma: Mahou no Kami, para o Estágio: O Segredo das Origa.

Obrigado por ler.