Intocável (Poesia)

De Enigma
Ir para: navegação, pesquisa

Poesia.

Nota: Todos os direitos reservados (Sol Cajueiro).

Aguarde a tradução para as Conlangs do projeto, ainda que demore.

Esta poesia foi composta em 1990 e 2014, Belo Horizonte.

Intocável

–– 1990 & 2014

–– Belo Horizonte

Não há razão,

Não há explicação.

Seus olhos cruzaram com os meus.

Seus pensamentos são iguais aos meus.

Seus sentimentos são os meus.

Ah! –– O Eu

lírico.